Luis de Camoes – Poemas Filosoficos – Audiobook – MP3 – Edizione Librivox

Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 10 de Junho de 1580) é frequentemente considerado como o maior poeta de língua portuguesa e dos maiores da Humanidade. O seu gênio é comparável ao de Virgílio, Dante, Cervantes ou Shakespeare.

A obra lírica de Camões foi publicada como “Rimas”, não havendo acordo entre os diferentes editores quanto ao número de sonetos escritos pelo poeta e quanto à autoria de algumas das peças líricas. Alguns dos seus sonetos, como o conhecido “Amor é fogo que arde sem se ver”, pela ousada utilização dos paradoxos, prenunciam o Barroco.

Nesta coleção, apresentamos uma recolha de Sonetos de Camões cujo tema é o amor. (Sumário adaptado da Wikipedia por Leni)

      015_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      019_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      025_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      026_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      031_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      033_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      035_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      044_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      046_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      048_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      055_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      062_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      082_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      084_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      085_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      088_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      092_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      097_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      107_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      108_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      110_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      111_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      114_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      122_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      126_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      128_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      130_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      133_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      138_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      140_filosoficos_camoes_64kb.mp3
      155_filosoficos_camoes_64kb.mp3

Download dei file
da: http://www.librivox.org
Licenza: Pubblico Dominio

Ascolta dal nostro lettore di MP3:

      015_filosoficos_camoes_64kb

      019_filosoficos_camoes_64kb

      025_filosoficos_camoes_64kb

      026_filosoficos_camoes_64kb

      031_filosoficos_camoes_64kb

      033_filosoficos_camoes_64kb

      035_filosoficos_camoes_64kb

      044_filosoficos_camoes_64kb

      046_filosoficos_camoes_64kb

      048_filosoficos_camoes_64kb

      055_filosoficos_camoes_64kb

      062_filosoficos_camoes_64kb

      082_filosoficos_camoes_64kb

      084_filosoficos_camoes_64kb

      085_filosoficos_camoes_64kb

      088_filosoficos_camoes_64kb

      092_filosoficos_camoes_64kb

      097_filosoficos_camoes_64kb

      107_filosoficos_camoes_64kb

      108_filosoficos_camoes_64kb

      110_filosoficos_camoes_64kb

      111_filosoficos_camoes_64kb

      114_filosoficos_camoes_64kb

      122_filosoficos_camoes_64kb

      126_filosoficos_camoes_64kb

      128_filosoficos_camoes_64kb

      130_filosoficos_camoes_64kb

      133_filosoficos_camoes_64kb

      138_filosoficos_camoes_64kb

      140_filosoficos_camoes_64kb

      155_filosoficos_camoes_64kb

Lascia un commento